Foto: Departamento Regional de São Miguel do Oeste

No último sábado, 12, a Associação de Criadores de Bovinos do Extremo Oeste de Santa Catarina – ACBOESC realizou o 1º Leilão de Gado Geral do ano de 2022. O evento ocorreu no Parque de Exposições Rineu Gransotto – Faismo, no município de São Miguel do Oeste, e mais de 800 animais de excelente genética foram arrematados em leilão presencial e virtual pelos pecuaristas de várias regiões.

A Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina – Cidasc- esteve presente no evento e prestou o suporte necessário para que a segurança sanitária fosse garantida. O diretor de Planejamento e Inovação e presidente interino da Cidasc, Junior Kunz, acompanhado da gestora do Departamento Regional da Cidasc de São Miguel do Oeste, Manuela Studt da Rocha, conversaram com os pecuaristas e organizadores do evento e colocaram os serviços da Cidasc à disposição de todos.

“Este é um dos grandes eventos do agronegócio catarinense e apresenta o que há de melhor em genética e sanidade do Extremo Oeste. O formato de leilão presencial e virtual tem uma dimensão muito grande, já que o virtual possibilita um leque maior de compradores. É uma excelente oportunidade para os pecuaristas assegurarem a venda”, afirma Junior Kunz, presidente interino e diretor de Planejamento e Inovação da Cidasc.

Foto: Departamento Regional de São Miguel do Oeste

A Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina realiza o controle sanitário em eventos agropecuários como este. Os bovinos expostos no leilão precisaram apresentar teste negativo para brucelose e tuberculose, como determina a portaria SAR n° 39. Santa Catarina é um dos estados com menor incidência destas zoonoses e a Cidasc tem incentivado os produtores de leite a certificarem suas propriedades como livres de brucelose e tuberculose. 

Falando na abertura do evento, a gestora regional destacou o trabalho realizado pela Cidasc e a existência de programas elaborados pela Secretaria de Estado da Agricultura e da Pesca para qualificar a agropecuária catarinense, como o Programa Novilho Precoce. 

Foto: Departamento Regional de São Miguel do Oeste

“No ano passado foram investidos cerca de 20 milhões de reais em repasses aos produtores cadastrados no programa, que conta com 21 frigoríficos cadastrados, sendo que quatro deles estão aqui na nossa regional”, disse Manuela Studt da Rocha. O Estado oferece incentivo para a comercialização de bovinos super precoces (de até 20 meses) e precoces (de 20 a 30 meses de idade). 

Além da carne do novilho precoce ter bom valor de mercado, o incentivo fiscal também contribuiu para que o produtor aumente sua renda e possa qualificar sua produção. O abate deve ocorrer em estabelecimento cadastrado no programa e o médico veterinário habilitado deste frigorífico confere a idade dos animais, na base de dados do SIGEN +. 

Tudo isto é possível porque a Cidasc realizou diversas ações relacionadas à sanidade animal em seus 42 anos de existência, como a rastreabilidade de bovinos e bubalinos em Santa Catarina. “Foi a soma de esforços ao longo destes anos que colocou a nossa agricultura e pecuária no patamar que temos hoje”, afirmou Manuela Studt da Rocha. 

Foto: Departamento Regional de São Miguel do Oeste

A gestora disse ainda que “a responsabilidade de manter esta qualidade e de manter o status sanitário de zona livre de febre aftosa sem vacinação é de todos os envolvidos na cadeia produtiva, pois os benefícios que isso nos proporciona são de toda a população catarinense”. Ela reforçou a importância da parceria com o produtor, levando a ele orientação para que possa desenvolver e aprimorar sua atividade, gerando divisas para a região e o estado. 

Toda legislação sobre o Programa Novilho Precoce e sobre o registro de propriedades e abatedouros podem ser encontrados no site da Cidasc: http://www.cidasc.sc.gov.br/inspecao/novilho-precoce/

Mais informações à imprensa:
Denise de Oliveira de Rocchi
Assessoria de Comunicação – Cidasc
Fone: (48) 3665 7000
ascom@cidasc.sc.gov.br
www.cidasc.sc.gov.br
www.facebook.com/cidasc.ascom