Executa serviços de inspeção de produtos de origem animal, com a finalidade de permitir a comercialização destes produtos entre municípios e garantir a qualidade dos produtos que chegam a nossa mesa.

  • Inspeciona carnes e derivados em abatedouros, fábricas de embutidos, charqueadas, etc;
  • Inspeciona leite e derivados em fábricas de laticínios, queijarias, etc;
  • Inspeciona entrepostos de carnes e de pescados;
  • Inspeciona postos de mel e distribuidores de ovos;
  • Faz vistorias técnicas e emite laudos;
  • Faz análise de projetos para a construção de estabelecimentos;
  • Faz, em conjunto com outras instituições, fiscalização ao comércio varejista e atacadista de produtos de origem animal.

Trata-se de uma ação de estímulo ao trabalho de melhoramento animal, instituído pela Lei 9.183,de 28 de julho de 1993, regularmente pelo Decreto 2.908, de 26 de maio de 1998.

  • Objetiva a viabilização da atividade pecuária através do aumento da produtividade;
  • Diminui o déficit de carne bovina do Estado;
  • Gera maior renda e emprego no meio rural;
  • Melhora a qualidade da carne ofertada através da redução da idade de abate, da tipificação das carcaças e do controle sanitário.
  • TABELA DE PRODUTORES CADASTRADOS NO PROGRAMA NOVILHO PRECOCE (Atualizada 23/06/2017