FacebookTwitterGoogle+Email

19/10/2012 :: Na produção de leite, Santa Catarina é o quinto maior do Brasil, com participação de 7,9% no mercado nacional. Só em 2011, a produção total de leite registrada pela pesquisa do instituto foi de 2,53 bilhões de litros no Estado, um aumento de 6,3% em relação a 2010.

Para o presidente da CIDASC, Enori Barbieri, a produção de leite encontrou em Santa Catarina o terreno ideal. Além de o custo da mão de obra ser mais baixo, o modelo de pequenas propriedades já oferece os insumos para a produção, como fertilizadores naturais para o pasto.

A alta rentabilidade e facilidades do Estado está atraindo, segundo Barbieri, indústrias de leite de outros estados do Brasil, o que impacta no aumento da produção. O presidente da CIDASC afirma que das 203 mil propriedades catarinenses, 80 mil produzem leite. Segundo ele, o Estado tem uma média anual de crescimento da produção de leite de 10%, que é o dobro da média Nacional.

Para o presidente da CIDASC, o grande desafio da pecuária catarinense nos próximos anos é avançar na produção de milho, que reduziria muito o custo da produção de carnes.
Publicado por: Assessoria de Comunicação da Cidasc